Agripino participa de encontro sobre política externa do Brasil

 

“O protecionismo é irmão gêmeo do populismo, um dos piores males para um regime democrático tanto no Brasil como na América Latina”, declarou o presidente nacional do Democratas, senador José Agripino no IV Encontro de Especialistas em Relações Internacionais realizado em São Paulo. O evento que teve início hoje, 23, é uma parceria do Democratas com a União de Partidos Latino-Americanos (UPLA) e debate a política externa brasileira.

 

Em seu discurso na abertura do evento, Agripino falou sobre os altos e baixos da política externa do Brasil e a tolerância “excessiva” do governo brasileiro em situações como o caso de Itaipu, ao governo do Equador, na tentativa de sobretaxar vinho chileno e na quebra do acordo bilateral de automóveis com o México. “Tenho enorme preocupação a perda de competitividade da indústria brasileira pela ausência de uma reforma tributária e de um Estado demasiadamente grande”, disse o senador para uma platéia formada por estudantes, Juventude Democrata e líderes de diversos países da América Latina e Espanha.

 

“Compartilho a minha preocupação com o futuro da economia brasileira porque crescemos, mas este crescimento se deu no consumo das famílias, no financiamento para o consumismo e, não um financiamento para as empresas geradoras de empregos”, completou.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s