Irritados, índios invadem o plenário da Câmara

Imagem 

Os deputados se preparavam para executar sua tarefa mais usual. Votariam mais uma medida provisória baixada por Dilma Rousseff. Matavam o tempo na selva do plenário à espera do início do debate quando um deles, olhando entre as gravatas, recuou, horrorizado: “Deus do céu! Índios!”

 

Cerca de cem cocares invadiram o plenário da Câmara. Dançaram e gritaram. Alguns estavam munidos de tacapes. Muitos testaram o conforto das poltronas. Manusearam os ‘tablets’ disponíveis sobre a bancada. Parte dos deputados permaneceu no recinto. Outra parte saiu correndo.

 

Os índios abespinharam-se com um projeto de emenda constitucional que transfere da Funai para o Congresso a atribuição de demarcar terras indígenas. Receiam que a bancada ruralista conspire contra os interesses das aldeias. Exigem que a proposta seja retirada da pauta.

 

O lufa-lufa lecou à suspensão da sessão. O deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), cacique da tribo da Câmara, foi ao microfone para pedir “respeito”. Repare no vídeo anaxo. Ele pediu aos índios que deixassem o plenário. Comprometeu-se a recebê-los em seu gabinete. Foi atendido. Por enquanto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s